Empresa de medicamentos suspeita de fraudar licitações em prefeituras atuava em SVS

Policial

08/10/2019 às 12h57

Empresa de medicamentos suspeita de fraudar licitações em prefeituras atuava em SVS

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 876 VEZES

De acordo com as investigações da Polícia Federal (PF), que deflagrou a quinta fase da Operação Xeque Mate, na manhã desta terça-feira (8), as fraudes da empresa Almed, suspeita de burlar licitações em todo Estado, envolvem pelo menos seis prefeituras paraibanas: Mamanguape, Gurinhem, Pedra Lavrada, Conceição, Itaporanga e São Vicente do Seridó.

 

O helenolima.com recebeu informações de que policiais federais estão na cidade de São Vicente do Seridó, desde o início da manhã desta, em diligência na sede da Prefeitura Municipal.

 

No entanto, o portal não conseguiu apurar se algum mandado teria sido cumprido nesta cidade seridoense.

 

Um dos alvos dos mandados da Polícia Federal é a Secretaria de Administração do Estado.

 

O ex-deputado federal André Amaral Filho, e o pai dele, André Amaral, também são alvos dos mandados, cumpridos, pelo menos, nos bairros de Manaíra e Miramar, em João Pessoa, nas residências dos investigados e em empresas contratadas pela Prefeitura de Cabedelo.

 

Da redação com informações do G1PB

Comentários

Veja também

Facebook