Multas de trânsitos poderão ser parceladas no cartão de crédito

Brasil

11/07/2018 às 01h08

Multas de trânsitos poderão ser parceladas no cartão de crédito

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 163 VEZES

Após adiar a medida sem explicar os motivos, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) aprovou as novas regras para que os motoristas possam pagar multas de trânsito pelo cartão de crédito, com a opção de parcelar o valor.

 

A resolução foi publicada no Diário Oficial da última sexta-feira (6).

 

Até então, a única opção de pagamento para multas de trânsito era por boleto bancário.

 

O Contran percebeu que estava parado no tempo e que precisava atualizar.

 

“Considerando a necessidade de aperfeiçoar a forma de pagamento das multas de trânsito e demais débitos relativos ao veículo, adequando-a a métodos de pagamentos mais modernos utilizados pela sociedade”, diz a entidade na Resolução 736.


Cada departamento estadual de trânsito (Detran) poderá contratar empresas para os novos meios de pagamento, desde que sejam credenciadas por entidades do Sistema Nacional de Trânsito e autorizadas por uma instituição credenciadora supervisionada pelo Banco Central do Brasil.

 

Os motoristas poderão pagar várias multas de trânsito de uma vez só e ainda parcelar o valor de todas elas.

 

Ao fazer o pagamento parcelado, o proprietário fica liberado das pendências e poderá licenciar o veículo – já que, na prática, ele passará a dever à operadora do cartão, não ao Detran.

 

Porém, pagar com o cartão de crédito será mais caro, já que as taxas adicionais cobradas pelas operadoras ficarão a cargo do motorista.

Comentários

Veja também

Facebook