Vereador preso na Operação Famintos retorna aos trabalhos na Câmara de Campina

Politica

08/10/2019 às 11h51

Vereador preso na Operação Famintos retorna aos trabalhos na Câmara de Campina

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 144 VEZES

CAMPINA GRANDE - O vereador mais bem votado da cidade nas eleições de 2016, Renan Maracajá (DC), retornou ao trabalho na Câmara na sessão ordinária desta terça-feira (8), após passar uma temporada trancafiado em um presídio de João Pessoa, haja vista que foi preso na Operação Famintos, acusado de ser um dos comandantes de uma organização criminosa que se utilizava de empresas de fachadas para fraudar licitações e fornecer merenda escolar para às creches e escola da rede Municipal campinense.

 

Apesar de não falar com a imprensa, seguindo orientação de sua assessoria jurídica, Renan fez um breve pronunciamento na tribuna da Casa de Félix Araújo, e se declarou inocente das acusações feitas após minuciosa investigação do Ministério Público Federal (MPF), Controladoria Geral da União (CGU) e Polícia Federal (PF).

 

"Devi dizer que confio, primeiramente em Deus e na Justiça e irei provar a minha inocência no momento adequado", pontua.

 

O parlamentar disse que está de cabeça erguida e que vai continuar desenvolvendo o seu trabalho de fiscalização, em respeito aos seus quase 5 mil eleitores.

 

"Não irei me furtar de maneira energética, procurar desenvolver ações dentro das limitações do meu mandato para a parcela da sociedade que mais necessita", conclui.

 

Da redação

Comentários

Veja também

Facebook